Em Igreja. Na Comunidade.

Quarta-feira, 29 de Julho de 2009
Oração de Jesus

 

«Pai, chegou a hora!
Manifesta a glória do teu Filho, de modo que o Filho manifeste a tua glória, segundo o poder que lhe deste sobre toda a Humanidade, a fim de que dê a vida eterna a todos os que lhe entregaste.
Esta é a vida eterna: que te conheçam a ti, único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, a quem Tu enviaste.
Eu manifestei a tua glória na Terra, levando a cabo a obra que me deste a realizar.
E agora Tu, ó Pai, manifesta a minha glória junto de ti, aquela glória que Eu tinha junto de ti, antes de o mundo existir.
Dei-te a conhecer aos homens que, do meio do mundo, me deste. Eles eram teus e Tu mos entregaste e têm guardado a tua palavra.
Agora ficaram a saber que tudo quanto me deste vem de ti, pois as palavras que me transmitiste Eu lhas tenho transmitido. Eles receberam-nas e reconheceram verdadeiramente que Eu vim de ti, e creram que Tu me enviaste.
É por eles que Eu rogo. Não rogo pelo mundo, mas por aqueles que me confiaste, porque são teus.
Tudo o que é meu é teu e o que é teu é meu; e neles se manifesta a minha glória.
Doravante já não estou no mundo, mas eles estão no mundo, e Eu vou para ti.
Pai santo, Tu que a mim te deste, guarda-os em ti, para serem um só, como Nós somos!
Enquanto estava com eles, Eu guardava-os em ti, em ti que a mim te deste.
Guardei-os e nenhum deles se perdeu, a não ser o homem da perdição, cumprindo-se desse modo a Escritura.
Mas agora vou para ti e, ainda no mundo, digo isto para que eles tenham em si a plenitude da minha alegria.
Entreguei-lhes a tua palavra, e o mundo odiou-os, porque eles não são do mundo, como também Eu não sou do mundo.
Não te peço que os retires do mundo, mas que os livres do Maligno. De facto, eles não são do mundo, como também Eu não sou do mundo.
Faz que eles sejam teus inteiramente, por meio da Verdade; a Verdade é a tua palavra.
Assim como Tu me enviaste ao mundo, também Eu os enviei ao mundo,e por eles totalmente me entrego, para que também eles fiquem a ser teus inteiramente, por meio da Verdade.
Não rogo só por eles, mas também por aqueles que hão-de crer em mim, por meio da sua palavra, para que todos sejam um só, como Tu, Pai, estás em mim e Eu em ti; para que assim eles estejam em Nós e o mundo creia que Tu me enviaste.
Eu dei-lhes a glória que Tu me deste, de modo que sejam um, como Nós somos Um.
Eu neles e Tu em mim, para que eles cheguem à perfeição da unidade e assim o mundo reconheça que Tu me enviaste e que os amaste a eles como a mim.
Pai, quero que onde Eu estiver estejam também comigo aqueles que Tu me confiaste, para que contemplem a minha glória, a glória que me deste, por me teres amado antes da criação do mundo.
Pai justo, o mundo não te conheceu, mas Eu conheci-te e estes reconheceram que Tu me enviaste. Eu dei-lhes a conhecer quem Tu és e continuarei a dar-te a conhecer, a fim de que o amor que me tiveste esteja neles e Eu esteja neles também.»
 

Jo 17, 1b-26



publicado por Padre às 07:34
link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 22 de Julho de 2009
Recolher


publicado por Padre às 16:35
link do post | comentar | favorito

Tu És a Água Viva


publicado por Padre às 16:27
link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 24 de Junho de 2009
Oração do Sacerdote

Senhor,

vós me chamaste ao ministério sacerdotal

num momento concreto da história

no qual, como nos primeiros tempos apostólicos,

quereis que todos os cristãos,

e de modo especial os sacerdotes,

sejam testemunhas das maravilhas de Deus

e da força do vosso Espírito.

Fazei que eu também seja testemunha

da dignidade da vida humana,

da grandeza do amor

e do poder do ministério recebido:

tudo isso com o meu peculiar estilo de vida

a vós entregue por amor,

só por amor

e por um amor grandíssimo.

Fazei que a minha vida celibatária

seja a afirmação de um “sim”,

gozoso e alegre,

que nasce da entrega a vós

e da dedicação total ao próximo

ao serviço da vossa Igreja.

Dai-me força nas minhas fraquezas

E também gratidão nas minhas vitórias.

 

Mãe Imaculada,

que destes o mais grandioso

e  maravilhoso “sim” de todos os tempos,

que eu saiba converter a minha vida quotidiana

em fonte de generosidade e entrega,

e junto a vós,

aos pés das grandes cruzes do mundo,

associai-me à dor redentora da morte do vosso Filho,

para gozar com Ele

do triunfo da sua ressurreição

para a vida eterna.

Amém.

 

 

Oração que os sacerdotes podem recitar todos os dias:

 

Deus omnipotente,

que a Tua graça nos ajude,

para que nós,

que recebemos o ministério sacerdotal,

possamos servir-Te

de maneira digna e com devoção,

com toda pureza e recta consciência.

E se não conseguirmos dispor a vida

com tão grande inocência,

todavia nos concede

chorar dignamente pelo mal que fizemos

e servir-Te fervorosamente

com o espírito de humildade

e com o propósito de boa vontade.

Por Cristo, nosso Senhor.

Amém.

 



publicado por Padre às 14:49
link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 23 de Junho de 2009
Oração pelos Sacerdotes

Ó Jesus, Sumo e Eterno Sacerdote,

conservai os vossos sacerdotes

sob proteção do Vosso Coração Amabilíssimo

onde nada de mal lhes possa suceder.

Conservai puros e desapegados dos bens da Terra os seus corações,

que foram selados com o caráter sublime do Vosso Glorioso Sacerdócio.

Fazei-nos crer no amor e fidelidade para convosco

e preservai-os do contágio do mundo.

Dai-lhes também, juntamente com o poder que têm

de transubstanciar o pão e o vinho em Vosso Corpo e sangue,

o poder de transformar os corações dos homens.

Abençoai os seus trabalhos com copiosos frutos

e concedei-lhes um dia a coroa da vida eterna.
Amém.

Santa Terezinha do Menino Jesus
 



publicado por Padre às 19:12
link do post | comentar | favorito

Súplica do Sacerdote diante do Coração de Jesus

Amado Jesus, Coração ardente de amor, razão da minha vida: Tu sabes tudo, tu sabes que eu te amo!

 

Pousando o meu olhar nas chamas fúlvidas que brotam do teu Coração, quero gemer por causa dos meus pecados e exultar por ver que nenhum deles consegue fugir do teu perdão. Confio na tua misericórdia!

 

Assim me prostro. Joelhos ao chão. Tez baixa. Humilhado pela multidão de meus pecados. Exaltado pela sublimidade da vocação que recebi do teu Coração.

 

Elevo as minhas mãos em direcção ao teu Coração. As mãos que tu, um dia, ungiste abundantemente com o óleo santo. Preservaste, consagraste, separaste minhas mãos para que fossem instrumentos dos teus milagres neste mundo. Depois do ventre santíssimo de Maria, só minhas mãos têm a honra de te amparar, por causa do Chamado que brotou do teu Coração. Erguendo-as, enquanto os próprios anjos se inclinam para confirmar a prece, rendo-me ao teu Amor e te louvo pela honra de te louvar!

 

Mestre amigo, refúgio da minha alma! A tua Fidelidade me atrai. Como fugir da força da tua santidade que um dia me seduziu? Percebo que a chaga do Teu coração tem a exacta medida para o meu Coração. Se em ti encontro tanto repouso e descanso, concede-me pela misericórdia mesma que revelas, a graça de que todos os que se aproximarem de mim, experimentem a tua paz e descansem como se reclinassem sobre teu Coração.

 

Que eu seja aquilo que minha identidade sacerdotal é. No ritmo do pulsar de teu Coração, eu possa mais e mais assemelhar-me a ti. Molda meu coração ao teu.

Que eu nunca me canse; mesmo quando for alvo da incompreensão e da calúnia.

Que eu nunca me canse, mesmo quando os sofrimentos da vida quiserem cegar minhas convicções.

Que eu nunca me canse, especialmente quando eu enxergar com os teus olhos a ingratidão daqueles que tanto recebem de ti!

 

Dá-me um Coração igual ao teu.

Um Coração de Pastor.

Um Coração atraente pela mansidão.

Um Coração convincente pela humildade.

Um Coração incansável no perdão e na doação.

 

Cura-me de toda amargura. Liberta-me de toda opressão e impaciência! Faz-me arauto da tua Verdade e defensor da tua Justiça. Confirma-me, anunciador da tua misericórdia!

 

Ó Coração Santo, que desposaste minha’alma. Que eu seja capaz de levar a todos o teu refrigério. Quem se aproximar de mim, consiga encontrar descanso como se estivesse recebendo tua visita amável.

Que eu jamais me separe de ti!

 

Amém!

 

In: Comunidade Coração Fiel

 

 

 



publicado por Padre às 18:14
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Junho 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


posts recentes

Oração de Jesus

Recolher

Tu És a Água Viva

Oração do Sacerdote

Oração pelos Sacerdotes

Súplica do Sacerdote dian...

arquivos

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

tags

todas as tags

as minhas fotos
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds